The tablet and smartphone apps for Google, Amazon, Facebook and the Apple Store  LIONEL BONAVENTURE/AFP/Getty Images

Manual de Crise para Grandes Empresas de Tecnologia

OXFORD – As previsões estavam erradas: a economia global não entrou em colapso após a crise financeira de 2008. Sustentados pelos resgates financeiros financiados pelos contribuintes, os bancos recuperaram e a actividade económica estabilizou na maioria das instituições. No entanto, se há uma vítima prolongada dessa época, é a erosão da confiança pública no sector financeiro. Dez anos após o início da crise, o público em geral tem ainda pouca fé em Wall Street.

Esta crise de confiança atormenta a indústria da tecnologia actualmente. Enquanto os executivos do Facebook e da Cambridge Analytica racionalizam o uso e o abuso dos dados pessoais por parte das suas empresas, a confiança nas empresas de tecnologia está à beira de um ponto crítico. As grandes empresas de tecnologia ainda estão a tempo de salvar a sua reputação, porém, as mais poderosas deverão mudar significativamente a forma como funcionam. E para tal, devem evitar os erros que quase incapacitaram o sector financeiro há uma década.

Cinco lições-chave extraídas da crise financeira devem servir de guia à actual tomada de decisões no sector da tecnologia. Em primeiro lugar, a “iliteracia” dos consumidores pode ter custos elevados. Pouco antes de rebentar a bolha imobiliária, muitos investidores aperceberam-se de que não tinham qualquer conhecimento sobre os produtos que adquiriam; alguns nem sabiam sequer que estavam a adquirir alguma coisa. O jornalismo financeiro contribuiu para este ambiente de ignorância ao concentrar-se unicamente nos proveitos potenciais e ignorando os riscos.

To continue reading, please log in or enter your email address.

To access our archive, please log in or register now and read two articles from our archive every month for free. For unlimited access to our archive, as well as to the unrivaled analysis of PS On Point, subscribe now.

required

By proceeding, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy, which describes the personal data we collect and how we use it.

Log in

http://prosyn.org/xazA0z6/pt;

Handpicked to read next

Cookies and Privacy

We use cookies to improve your experience on our website. To find out more, read our updated cookie policy and privacy policy.