johnson131_Barry ChinThe Boston Globe via Getty Images_UScoronavirustesting Barry Chin/The Boston Globe via Getty Images

Entendo o potencial anticovid da América

WASHINGTON, DC – Para escapar das garras de uma pandemia, um país necessita de três coisas. Antes de mais nada, precisa compreender suficientemente a doença, inclusive como ocorre sua transmissão. Segundo, precisa de acesso à tecnologia que permitirá uma solução científica: cura, vacina ou outro modo eficaz de impedir a transmissão. E terceiro, precisa ser capaz de pagar pelo que necessita ser feito.

No fim das contas, se resume a economia. O governo está investindo o suficiente na criação de conhecimento científico básico? Há cientistas competentes o bastante no país para desenvolver um entendimento da doença e de sua progressão, e para absorver ideias de pesquisadores e médicos em outros lugares? Há um aparato de saúde pública com recursos adequados para cuidar das contingências à medida que surgirem? E todo mundo consegue pagar para se proteger?

A pandemia mais devastadora de que se tem registro é a Peste Negra - a onda de peste bubônica que varreu a Europa no século 14, matando talvez um terço da população. Ninguém à época tinha ideia da causa: muito provavelmente, uma bactéria transmitida por moscas que atacavam ratos. Antes da ciência moderna revelar a causa dos surtos de doenças, os humanos estavam em grande parte indefesos contra patógenos.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

or

Register for FREE to access two premium articles per month.

Register

https://prosyn.org/eAPprRxpt