posner26_Jaap ArriensNurPhoto via Getty Images_Google apple Jaap Arriens/NurPhoto via Getty Images

Os Monopolistas Contra-Atacam

CHICAGO –  À medida que o julgamento antitruste do Google termina, a oposição empresarial à reforma antitruste nos Estados Unidos está terminando – e não por coincidência. Com o julgamento revelando mais uma vez a prevalência do comportamento anticompetitivo na indústria de tecnologia, as grandes corporações estão recorrendo ao Congresso para impedir que as duas agências federais encarregadas da aplicação da legislação antitruste, o Departamento de Justiça e a Comissão Federal de Comércio, intensifiquem seus esforços após décadas de negligência.

No julgamento do Google, o Departamento de Justiça argumenta que a empresa detém o monopólio da “ busca geral ” e mercados relacionados, e que manteve ilegalmente esse monopólio, entre outras coisas, pagando outras empresas de tecnologia para incorporar seu mecanismo de busca em navegadores e dispositivos como smartphones. Somente em 2021, o Google pagou à Apple US$ 18 bilhões. Embora os usuários do iPhone possam alterar o padrão do mecanismo de busca acessando o menu de configurações, quase ninguém o faz.

Por sua vez, o Google argumenta que as pessoas preferem seu mecanismo de busca e que, portanto, a Apple poderia muito bem torná-lo o padrão. Mas se todos preferissem o mecanismo de busca do Google, o Google não precisaria pagar bilhões de dólares à Apple todos os anos para torná-lo o padrão, nem ficaria tão preocupado (como aparentemente estavao CEO do Google) com  a deliberada deterioração da experiência de busca do Google pela Apple.

https://prosyn.org/Yruenpkpt