buiter34_Brendan Smialowski-PoolGetty Images_fed chair powell Brendan Smialowski-PoolGetty Images

O argumento contra o gradualismo da Fed

NOVA IORQUE – Até agora, neste século, a Reserva Federal dos EUA tem sido persistentemente gradual quanto a aumentar a taxa de juro directora. Desde a sua última subida de taxa de 50 pontos-base (pb), em Maio de 2000, a Fed tem incrementado o seu objectivo político (actualmente, o seu intervalo-alvo) somente 25 pb de cada vez. Isto não foi sempre assim. Depois de adoptar o direccionamento de taxas no fim de 1982, a Fed subiu a taxa directora mais de 1% numa ocasião, 75 pb em três ocasiões e 50 pb em nove outras ocasiões.

Em contrapartida, no período anterior à crise financeira de 2007/09, entre Junho de 2003 e Junho de 2006, a Fed aumentou a sua taxa directora de 1% para 5,25% através de 17 aumentos programados de 25 pb cada. E no último ciclo de aumentos, iniciado em Dezembro de 2015, o limite superior do intervalo-alvo da Fed subiu nove vezes, 25 pb de cada vez, o que o levou dos 0,25% para um máximo de 2,5% em Dezembro de 2018.

Mas a Fed não foi tão gradual nas descidas. A partir de Agosto de 2019, a Fed regressou a um limite inferior efectivo de 0,25% com três descidas de taxa de 25 pb, seguidas de uma descida de taxa de 50 pb numa reunião extraordinária a 3 de Março de 2020 e de um corte adicional de 100 pb numa segunda reunião extraordinária a 15 de Março de 2020.

To continue reading, register now.

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

or

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

https://prosyn.org/CComh66pt