6

A biologia do luxo

PARIS – Apesar da crise económica mundial, as vendas de bens de luxo estão em alta em todo o mundo. Porquê? Embora o marketing tenha contribuído para a ascensão, a verdadeira base do crescimento robusto do mercado de luxo está na biologia.

As discussões sobre a estrutura do pensamento humano foram, durante muito tempo, influenciadas pelo ponto de vista do Iluminismo, onde a realidade é composta por quatro elementos: espaço, tempo, matéria e energia. Mas recentemente, um quinto elemento, a informação, entrou no debate. E a informação, ao que parece, é crucial para compreender os propulsionadores essenciais do consumo de bens de luxo e, por conseguinte, profetizar o futuro do mercado do luxo.

Os organismos vivos comunicam e as informações que trocam entre si moldam as suas realidades. Enquanto os animais recorrem a comportamentos coloridos e complicados para transmitirem boa forma física e força, os seres humanos utilizam bens de luxo para demonstrarem a saúde económica.

Mas, mais do que um símbolo, a compra de bens de luxo pode indicar o sucesso futuro, devido à vantagem selectiva que o exibicionismo proporciona. Na Natureza, os concorrentes representam e o espectáculo mais empolgante e bonito ganha.