elerian139_Image SourceGetty Images_dollareuropound Image Source/Getty Images

Administrando BCs, rápido e devagar

CAMBRIDGE – As discussões sobre políticas econômicas na zona do euro, no Reino Unido e nos Estados Unidos cada vez mais giram em torno da questão de quando e quão depressa os bancos centrais devem retirar as medidas de uber-estímulo implementadas no ano passado em resposta à pandemia de covid-19.

As respostas não são fáceis. Todas as partes da questão exigem um julgamento bem equilibrado, que dê conta das incertezas que permanecem em jogo. As mudanças nas políticas dos principais bancos centrais podem ter consequências de longo alcance para o bem-estar econômico e financeiro, afetando não só os diretamente envolvidos, mas também os diversos países que acabarão “importando” os efeitos das decisões.

Uma maneira simples de apresentar o debate é pensar em uma viagem. No carro estão dois grupos que concordam em três coisas: o “destino” é um crescimento econômico alto, durável, inclusivo e sustentável; a rota para chegar lá está longe de ser reta; e o carro tem um bom impulso para a frente.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

or

Register for FREE to access two premium articles per month.

Register

https://prosyn.org/taCTCdvpt