Vamos Saltar da Falésia

BERKELEY – A menos que aconteça algo de inesperado, muitas das reduções fiscais legisladas ao longo dos últimos 12 anos nos Estados Unidos - todas explicitamente temporárias - expirarão simultaneamente no início de 2013. As taxas americanas de impostos voltarão, no espaço de uma noite, aos níveis da era Clinton.

Algumas destas reduções foram implementadas para combater o que se encarou há quatro anos como uma desaceleração temporária da economia, embora os seus apoiantes quisessem torná-las permanentes, alegando que elas foram temporariamente permitidas apenas para ultrapassar requisitos processuais no processo legislativo, criados pelos Democratas numa vã tentativa de garantir a saúde fiscal.

O aumento imediato das taxas de imposto é apenas parte da história. Ao mesmo tempo, as reduções automáticas no orçamento da defesa e os gastos domésticos "discricionários" – acordados entre Democratas e Republicanos no verão de 2011 – surtirão efeito.

To continue reading, please log in or enter your email address.

To read this article from our archive, please log in or register now. After entering your email, you'll have access to two free articles from our archive every month. For unlimited access to Project Syndicate, subscribe now.

required

By proceeding, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy, which describes the personal data we collect and how we use it.

Log in

http://prosyn.org/a4eD5g1/pt;

Cookies and Privacy

We use cookies to improve your experience on our website. To find out more, read our updated cookie policy and privacy policy.