frankel131_Ulet IfansastiGetty Images_vaccine indonesia Ulet IfansastiGetty Images

A vacinação obrigatória será um abuso governamental?

CAMBRIDGE – No início deste mês, o Supremo Tribunal dos EUA bloqueou a tentativa do presidente Joe Biden para obrigar as empresas com mais de 100 funcionários a exigir a vacinação destes contra a COVID-19 ou, em alternativa, utilizarem máscaras faciais e serem sujeitos a testes com regularidade. Terá a administração Biden cometido um abuso?

Nalguns países, nomeadamente na Áustria, no Equador e na Indonésia, os governos impuseram a obrigatoriedade da vacina contra a COVID-19 a toda a população, ou pelo menos a todos os trabalhadores. A Alemanha está a reflectir se deverá seguir este exemplo. E muitos países, nomeadamente a Itália, impuseram a obrigatoriedade da vacinação a subconjuntos da população, como os profissionais de saúde ou as pessoas acima dos 50 anos.

Mas outros governos, nomeadamente o da Dinamarca e o do Reino Unido, fizeram da vacinação uma questão de opção individual. Em alguns locais, a contestação pública à obrigatoriedade da vacinação contra a COVID-19 é tão acentuada como a do movimento americano anti-vacinação.

To continue reading, register now.

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

or

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

https://prosyn.org/EPh0YDopt