tyson98_iStock Getty Images Plus_automation recovery iStock / Getty Images Plus

A produtividade após a pandemia

BERKELEY – Com as vacinas da covid-19 sendo distribuídas e as políticas de apoio fiscal e monetário alimentando a demanda agregada, a economia americana está prestes a voltar ao volume de produção pré-pandêmico logo mais, ainda neste ano. A recuperação do mercado de trabalho, contudo, será muito mais lenta e distribuída de modo desigual, e é improvável que o emprego retorne a seu pico pré-pandêmico até 2024.

Se o crescimento da produção superar o do emprego nos próximos anos, a produtividade crescerá (ao menos temporariamente). A previsãomais recente do Comitê Orçamentário do Congresso estima crescimento de 1,5% ao ano da produtividade da força de trabalho no período 2021-2025, uma alta em relação à média de 1,2% ao ano entre 2008 e 2020.

Em resposta à pandemia, muitas empresas – especialmente as maiores – vêm fazendo avanços significativos para impulsionar a produtividade por meio da automatização, digitalização e reorganização das operações, inclusive com um redirecionamento acelerado do foco no trabalho remoto, para aumentar a eficiência e resiliência.

To continue reading, register now.

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

Subscribe

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

https://prosyn.org/gnsXF9xpt