14

Mitt Romney e os Quatro Défices da América

BERKELEY – Os Estados Unidos são assolados por quatro défices: um défice fiscal, um défice de emprego, um défice no investimento público, e um défice de oportunidades. As propostas orçamentais avançadas pelo candidato presidencial Mitt Romney e pelo seu companheiro de corrida, Paul Ryan, poderiam reduzir o défice fiscal, mas incrementariam os outros três.

De facto, Romney e Ryan não avançaram detalhes sobre o modo como reduziriam o défice fiscal, apoiando-se em afirmações do tipo “confiem em mim”. Mas a direcção dominante das suas propostas é clara: mais reduções de impostos, beneficiando de modo desproporcionado os que estão no topo, juntamente com gastos públicos significativamente menores nos sectores externos à defesa, ferindo de modo desproporcionado todas as outras pessoas – e enfraquecendo as perspectivas de crescimento da economia.

Apesar de 30 meses de crescimento do emprego no sector privado, os EUA ainda enfrentam um grande défice de emprego. A taxa de desemprego continua mais de dois pontos percentuais acima da taxa “normal” (ao mesmo tempo que a economia funciona perto do limite da sua capacidade). Além disso, a taxa de ocupação da população activa continua próxima de mínimos históricos.

São necessários mais de 11 milhões de empregos adicionais para que os EUA voltem aos níveis de emprego anteriores à recessão. Ao ritmo actual de recuperação, esses níveis não serão atingidos antes de passarem oito anos. Entretanto, o desemprego persistente e elevado reduz o potencial de crescimento da economia, ao negar capacidades e experiência aos trabalhadores de hoje.