Pedestrians walk past the skyline of the financial district PHILIPPE LOPEZ/AFP/Getty Images

Vivemos numa bolha de dívida empresarial?

WASHINGTON, DC – A crescente dívida das empresas será uma bolha à espera de rebentar? Passados dez anos da crise financeira global, a dívida detida por empresas não-financeiras cresceu em 29 biliões de dólares – quase tanto como a dívida pública global – segundo um novo estudo do McKinsey Global Institute. É quase certo que o mercado deverá corrigir. Porém, o crescimento da dívida empresarial não é tão ameaçador como parece à primeira vista – e, de certo modo, é sintoma de resultados económicos positivos.

Durante a última década, o mercado obrigacionista cresceu, enquanto os bancos reestruturavam e consertavam os seus balanços patrimoniais. Desde 2007, o valor das obrigações societárias pendentes de empresas não-financeiras quase triplicou, para 11,7 biliões de dólares, e a sua participação no PIB global duplicou. Tradicionalmente, o mercado obrigacionista empresarial centrava-se nos Estados Unidos, mas actualmente conta com empresas de todo o mundo.

A mudança generalizada para o financiamento por obrigações é um desenvolvimento bem-vindo. Os mercados de capitais constituem uma importante classe de activos para os investidores internacionais, e concedem às grandes empresas uma alternativa aos empréstimos bancários. Porém, é também evidente que muitos mutuários de risco mais elevado entraram no mercado obrigacionista nos anos do crédito ultra-barato. Durante os próximos cinco anos, vencerão em cada ano obrigações de empresas não-financeiras no valor recorde de 1,5 biliões de dólares; como algumas empresas terão dificuldades para reembolsá-las, é provável que os incumprimentos subam.

To continue reading, please log in or enter your email address.

To read this article from our archive, please log in or register now. After entering your email, you'll have access to two free articles from our archive every month. For unlimited access to Project Syndicate, subscribe now.

required

By proceeding, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy, which describes the personal data we collect and how we use it.

Log in

http://prosyn.org/iz8mdLE/pt;

Cookies and Privacy

We use cookies to improve your experience on our website. To find out more, read our updated cookie policy and privacy policy.