halland2_GettyImages_carbon emissions Getty Images

Onde estão os fundos soberanos verdes?

PARIS/MUNIQUE - Investidores institucionais têm cada vez mais abraçando o esforço para atingir até 2050 emissões líquidas zero de gases do efeito estufa (GEE). Alguns já estão implementando medidas de portfólio e incorporando fatores climáticos em suas tomadas de decisão. A Net-Zero Asset Owner Alliance(Aliança de Proprietários Zero de Ativos Líquidos), presidida por um de nós e convocada pelas Nações Unidas, já deu as boas-vindas a 46 membros, incluindo fundos de pensão e seguradoras que representam cerca de US$ 6,7 trilhões em ativos sob gestão (AUM, da sigla em inglês de “assets under management”).

Os passos dados nesta década serão decisivos para atingir a meta de meio de século. Dos membros da Aliança, 23 emitiram publicamente metas de redução de GEE para 2025, o que significa que estão comprometidos em agir imediatamente. Os cinco membros restantes dos quais se exige que definam metas este ano em breve declararão metas provisórias semelhantes. Iniciativas líquidas zero também vêm sendo estabelecidas nos setores de gestão de investimentos e bancário, que representam respectivamente US$43 trilhões e US$37 trilhões em AUM. No entanto, fundos de riqueza soberanos (SWFs, da sigla original em inglês para sovereign wealth funds) – que representam um total aproximado de US$10 trilhões em AUM – são uma notável ausência, ainda que alguns pertençam a governos que vêm adotando metas climáticas ambiciosas.

Segundo os acordos internacionais existentes, as emissões de GEE são medidas por países, o que subestima o impacto climático potencial de países com grandes ativos no exterior. Por exemplo, os ativos totais dos SWFs da Noruega são três vezes o tamanho da economia norueguesa, e suas emissões de carbono por carteira de ações, quase o dobro das emissões totais do próprio país.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

or

Register for FREE to access two premium articles per month.

Register

https://prosyn.org/0JTSi5Bpt