Woman standing in forest

O REDD+ em Paris

BERLIM – Há 30 anos, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura lançou o Plano de Acção para as Florestas Tropicais, a primeira iniciativa intergovernamental de âmbito mundial para deter a perda do coberto florestal. Desde então, a deflorestação tem continuado a um ritmo imperturbável e é pouco provável que o esforço empreendido mais recentemente no sentido de a deter (uma iniciativa conhecida como a redução das emissões resultantes da desflorestação e da degradação das florestas - REDD +) venha a revelar-se eficaz. Ironicamente, longe de proteger as florestas do mundo, o resultado mais notável destes dois acordos foi a produção de pilhas de dispendiosos relatórios de consultoria.

O Programa REDD+ foi criado no âmbito da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre as alterações climáticas e o acordo que rege a sua aplicação deverá ser ultimado na Conferência das Nações Unidas sobre as alterações climáticas, em Paris. Contudo, se os líderes mundiais estiverem de facto empenhados em deter a perda do coberto florestal, deverão abandonar o REDD+ e substituí-lo por um mecanismo que aborde as causas subjacentes à desflorestação em grande escala.

As falhas do REDD + são evidentes na forma como aborda o problema que visa resolver. A grande maioria dos seus projectos considera que a população da floresta e os pequenos agricultores são os principais agentes da desflorestação. Os gestores de projectos REDD parecem apreciar particularmente os projectos que visam restringir as práticas agrícolas tradicionais, evitando simultaneamente combater as verdadeiras causas da desflorestação: a expansão da agricultura industrial, os grandes projectos de infra-estruturas, a exploração florestal em larga escala e o consumo desenfreado.

To continue reading, please log in or enter your email address.

To access our archive, please log in or register now and read two articles from our archive every month for free. For unlimited access to our archive, as well as to the unrivaled analysis of PS On Point, subscribe now.

required

Log in

http://prosyn.org/5TGEFDw/pt;