elerian126_Roy RochlinGetty Images_newyorkstockexchangeuseconomy Roy Rochlin/Getty Images

A liderança económica pós-pandemia começa nos EUA

LAGUNA BEACH – O que é que o futuro nos reserva para a economia mundial? Na situação atual, a resposta mais provável, infelizmente, é um menor crescimento, agravamento da desigualdade, mercados distorcidos e aumento dos riscos financeiros. Mas este resultado não está predestinado. Com mudanças oportunas no paradigma político, os governantes podem lançar as bases para uma economia mais dinâmica, inclusiva e resiliente.

Os danos económicos causados pela crise da COVID-19 no segundo trimestre de 2020 foi ainda pior do que o esperado: a atividade económica caiu a pique, a desigualdade aumentou e os mercados financeiros exaltados separaram-se ainda mais da realidade económica. E com uma vacina ainda em desenvolvimento, o caminho para sair da pandemia – e da crise económica associada – permanece profundamente incerto.

As principais instituições económicas internacionais do mundo – o Fundo Monetário Internacional, a OCDE e o Banco Mundial – já alertam que pode demorar pelo menos dois anos para que a economia mundial recupere o que foi perdido devido à COVID-19. Se as principais economias enfrentarem ondas adicionais de infeções, a recuperação levará ainda mais tempo.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

or

Register for FREE to access two premium articles per month.

Register

https://prosyn.org/IK0jFThpt