psanchez1_Jeff J MitchellGetty Images_cataloniaspainflag Jeff J Mitchell/Getty Images

A Catalunha, a Espanha e a Europa são melhores quando unidas

MADRID – Acima de tudo, a Europa é liberdade, paz e progresso. Temos de promover estes valores, e de tornar a Europa no principal modelo para a integração e a justiça social que protege os seus cidadãos. A Europa a que aspiramos, a Europa de que necessitamos, a Europa que estamos a construir baseia-se na estabilidade democrática entre os estados-membros, e não pode aceitar a violação unilateral da sua integridade. A Europa que admiramos foi construída sobre o princípio das identidades sobrepostas e da igualdade para todos os cidadãos, e sobre a rejeição das ideologias extremistas e do nacionalismo.

Por este motivo, o desafio do separatismo na Catalunha, concebido em oposição e exteriormente ao enquadramento constitucional de Espanha, e que silencia a maioria dos catalães que estão contra a independência, é um desafio para a Europa e para os europeus. A preservação destes valores na Catalunha de hoje significa proteger a Europa aberta e democrática que defendemos.

A Espanha consagrou estes valores em 1978, quando criou e ratificou uma constituição plenamente democrática. Esse documento histórico foi aprovado por quase 88% dos eleitores num referendo. Na Catalunha, o apoio e a afluência foram ainda superiores: perto de 90,5% dos catalães apoiaram a nova constituição.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

Get unlimited access to PS premium content, including in-depth commentaries, book reviews, exclusive interviews, On Point, the Big Picture, the PS Archive, and our annual year-ahead magazine.

https://prosyn.org/s5qyTd8pt;